MASTER CLASS

​​​​​​​Master Class | ICTS Protiviti e PG Advogados

A ICTS Protiviti e a PG Advogados uniram seus conhecimentos e experiências para organizar uma Master Class exclusiva, que será conduzida em 3 partes, para abordar de forma prática e pragmática temas muito relevantes para a proteção e privacidade de dados e o direito tradicional e digital nesta nova realidade em que vivemos.

Parte I: O Home Office seguro (versão On Demand)
01 de Julho às 11h00 

O teletrabalho se impôs, exigindo rápida adaptação de todos nós e trazendo desafios para que possa se consolidar como opção viável e vantajosa nas organizações. O futuro do trabalho parece ser híbrido, e saber equilibrar a saúde e segurança dos seus colaboradores com a proteção e perenidade da empresa será uma vantagem competitiva instrumental dentro do novo normal que se acerca.

Amplie seus conhecimentos sobre:
•    Como lidar com as equipes em teletrabalho.
•    Quais são os riscos decorrentes da maior adesão ao home office.
•    Como criar ou atualizar sua política e contrato de trabalho remoto.
•    Uso de ferramentas de monitoramento intrusivas e consequências sobre a privacidade, produtividade e engajamento.
•    A responsabilidade das empresas em caso de incidentes com o teletrabalhador.

Ministrada por: Heloisa Macari, Matheus Jacyntho e Patricia Peck

Parte II: Os bastidores de uma sala de crise (versão On Demand)
08 de Julho às 11h00 

A pandemia acelerou a digitalização das comunicações e fluxos de trabalho, que são executados cada vez mais de forma colaborativa e distribuída, porém com níveis de segurança ainda abaixo dos padrões ideiais. Neste contexto, os cyber attacks e incidentes de vazamento de informações vem se proliferando, requerendo metodologia, tecnologia e muito sangue frio das organizações para responder aos eventos com rapidez e eficácia, mitigando seus impactos.

Explore casos reais de ataques, saiba como reagir à crise e responda a estas e outras perguntas:
•    O que é uma sala de crise e quem deve participar dela?
•    Como lidar com um incidente de segurança? Sua empresa deve negociar com hackers?
•    Quais as regras sobre o reporte de incidentes na Lei 13.709/2018 - LGPD?
•    Como responder à imprensa? Aos titulares dos dados? E às autoridades?
•    Em que casos devo utilizar um cyber insurance?

Ministrada por: Heloisa Macari, Maurício Fiss e Patricia Peck

Parte III: Data Mapping: o mapa do tesouro para adequação à LGPD
15 de Julho às 11h00 

A conformidade às novas regulamentações de proteção de dados pessoais e sensíveis no Brasil (LGPD) e também no exterior, exige das organizações conhecimento, gestão e governança sobre os dados que circulam em seus ecossistemas de negócios.
 
O mapeamento efetivo e periódico dos dados coletados, processados e armazenados, torna-se portanto um elemento-chave para o sucesso desta jornada. 

Acelere sua preparação para a LGPD e entenda:
•    Os pilares da ótima gestão e governança de dados.
•    Os segredos de uma estratégia coerente para a coleta e armazenagem de dados pessoais e sensíveis. 
•    Quais são as melhores tecnologias/ferramentas para o data mapping.
•    Como realizar e manter atualizado o seu inventário de dados.
•    Como incorporar os princípios de privacy by design e privacy by default em sua rotina.

Ministrada por: Mauricio Fiss, André Cilurzo e Patricia Peck.

  • Heloisa Macari

    Sócia Diretora da ICTS Protiviti - Formada em Administração pela EAESP/FGV e em Direito pela PUC/SP, e com MBA em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios pela EESP/FGV. Experiência consolidada em consultoria empresarial no Brasil e exterior,  e com atuação em diversos setores da economia, com destaque para Varejo, Bens de consumo, Saúde, Private Equity, Infraestrutura e Construção Civil, Petróleo e Gás, Transporte, Telecomunicações,  Serviços Financeiros e Shopping Centers. Suas especialidades incluem Governança, Riscos e Compliance, Gestão da Ética, Business Performance Improvement, Prevenção de Perdas, Investigação e Prevenção de Fraudes. Acumula a função de Chief Compliance Officer da ICTS.

  • Patrícia Peck Pinheiro

    Head da área de Direito Digital na PG Advogados, uma das maiores autoridades do País em Cibersegurança e Proteção de Dados. Doutora pela Universidade de São Paulo (USP), PhD em Direito Internacional e Propriedade Intelectual, com tese de doutorado em Inteligência Artificial, pesquisadora internacional convidada do Instituto Max Planck de Hamburgo e Munique e da Universidade de Columbia, nos EUA. Professora convidada da Universidade de Coimbra, em Portugal, e da Universidade Central do Chile. Professora convidada de Cyber Segurança da Escola de Inteligência do Exército Brasileiro. Programadora desde os 13 anos, autodidata em Basic, Cobol, C++, Html.

  • André Cilurzo

    Diretor de Data Privacy na ICTS Protiviti - formado em Administração pela EAESP-FGV, com pós-graduação em Business Economics pela mesma escola. Áreas de conhecimento especializado: privacidade de dados, segurança de Informações, redução de riscos de negócios e prevenção de fraudes.

  • Matheus Jacyntho

    Gerente de Cyber Security da ICTS Protiviti, com atuação na identificação de gaps e estruturação de controles para elevação de nível de maturidade e de segurança dos ambientes de SI e TI. ​Gerente com mais de dezesseis anos de experiência em Tecnologia da Informação atuando em projetos de Testes de invasão de sistemas, análise de vulnerabilidades, análise de arquiteturas de redes, e avaliação de maturidade de processos internos de segurança da informação e tecnologia.​

  • Mauricio Fiss

    Sócio Diretor da ICTS Protiviti - Engenheiro Elétrico pela Escola Politécnica da USP com mestrado em Administração pela Faculdade de Economia e Administração da USP. Sua experiência abrange as áreas de Tecnologia, Transformação Digital e Inovação/Novos Negócios, bem como processos operacionais nos segmentos de Telecom, Utilities, Alimentos e Bebidas, Bens de Consumo e Serviços. Liderou a estruturação de diversas iniciativas estratégicas na ICTS (como as áreas de Outsourcing, Tecnologia e Segurança de Informações), bem como diversos serviços contínuos de gestão, operação e monitoramento de riscos.

  • , ,